“Valor milionário”: Fora do São Paulo há um mês, Ceni deixou débito gigante e impressionou diretoria por decisão tomada

Rogério Ceni não quer polêmicas no São Paulo. (Foto: Twitter do São Paulo)

A saída de Rogério Ceni do São Paulo representou um débito gigante ao clube, que negocia e tem problemas. Se dentro de campo os problemas parecem ter sido superados, fora dele a questão ainda tem arestas a rserem aparadas.

“Demorou, mas aconteceu”: Jogo do São Paulo aparece em investigação da Operação Penalidade Máxima

Você conhece o YouTube do Nação Tricolor? Clique aqui

Mais de um mês depois de demitir Rogério Ceni, o São Paulo ainda não começou a fazer o pagamento da multa contratual a que o técnico tinha direito. O ex-comandante foi demitido depois de não conseguir fazer o time render e também pelo diagnóstico de que o ambiente estava muito ruim no Tricolor.

São Paulo deve milhões a Ceni, que não cede um centavo

De acordo com Jorge Nicola, em vídeo publicado no YouTube, a multa previa o pagamento de três salários. Ou seja, R$ 2,1 milhões. Além disso, neste período, o Tricolor deixou de pagar alguns salários e premiações nos 18 meses de trabalho ao clube.

Segundo Nicola, o Tricolor chegou a pedir desconto ao técnico Rogério Ceni, mas isso foi tratado como inegociável pelo M1TO. Ele disse que não abre mão de um centavo do que tem direito.