“Conta chega”: Líderes do São Paulo estão lesionados e Casares elege ‘culpado’

Foto: Rubens Chiri/São Paulo - Calleri ajudou na chegada de um reforço ao Tricolor.

Você lembra qual foi a última vez que o São Paulo entrou em campo sem ter um único jogador no departamento médico? Faz tempo tá… O Tricolor segue com o DM repleto de atletas e vai para a reta final do Paulistão com uma série de jogadores fora de combate.

“Que vexame, caiu nas redes”: Ídolo do São Paulo, Luis Fabiano ‘apronta’ e situação viraliza na web

Você conhece o YouTube do Nação Tricolor? Clique aqui e inscreva-se no canal para ter notícias sobre o São Paulo

O Tricolor chegou a ter 14 desfalques para um jogo pelo Paulistão e isso tem complicado bastante a vida do M1TO. Rogério tem buscado se organizar sem referências do elenco como Calleri e Arboleda.

Respondendo à pergunta do primeiro parágrafo, o Tricolor não vai a campo com o DM vazio desde abril de 2022. O levantamento é do historiador Alexandre Giesbrecht, do Anotações Tricolores. Quase um ano.

Presidente do São Paulo ‘coloca culpa’ no excesso de jogos

Na visão do presidente do São Paulo, é preciso avaliar o calendário de jogos para os jogadores não fiquem sobrecarregados. Em entrevista à ESPN, Julio Casares afirmou que o Tricolor tem profissionais sérios e cuida bem de seus jogadores.

“Nós temos profissionais sérios. Até o Rogério Ceni outro dia citou as amplas reformas. Então nós mexemos na estrutura, melhoramos muito. Hoje o Alexandre Pato está treinando aqui e elogiou muito a estrutura. O que acontece que a gente tem que observar é a estruturação de uma tabela, um calendário. Nós jogamos com um campo muito molhado, estamos em uma pré-temporada. E existem muitas lesões de trauma. Nós temos que entender que o departamento médico é consequência. (…) Outro dia eu conversando com o Moisés Cohen, médico da Federação. E ele disse que comunicou o aumento de contusões nesse Campeonato Paulista. Pode ser início de temporada, pode ser por causa dos campos muito encharcados. O São Paulo está tranquilo. O seu departamento de excelência médica está avaliando tudo”, disse Julio Casares, presidente do São Paulo, em entrevista à ESPN.