“Ninguém é inegociável”: São Paulo supera meta, mas Casares volta a falar em mercado da bola

Presidente do São Paulo vai atrás de meia ainda nesta janela. (Foto: Reprodução/SporTV)

A classificação do São Paulo para a decisão da Copa do Brasil não tirou de Julio Casares a ideia de vender jogadores formados em Cotia. O Tricolor superou a meta financeira na competição, mas ainda tem um déficit considerável.

Por isso, o presidente do Tricolor entende que será necessário vender algum atleta para fechar o balanço no azul. O clube sabe que ser campeão vai ser relevante no aspecto esportivo, mas as finanças agradeceriam.

Juvenil! São Paulo divulga imagem comprometedora de gol de Lucas Moura e gera polêmica nas redes sociais

Você conhece o YouTube do Nação Tricolor? Clique aqui e inscreva-se no canal

Casares avalia que São Paulo não tem ninguém inegociável

Para Casares, o Tricolor não tem nenhum jogador inegociável desde que a proposta seja vantajosa financeiramente. Ele lembra que alguns jogadores formados na base foram mantidos por “muito tempo”.

“O mercado faz proposta. Clube de futebol tem que discutir tudo, nós já seguramos muito alguns atletas, o São Paulo só liberou o Gabriel Sara. Ninguém é inegociável, se vier proposta alta, ela será discutida”, disse o presidente do Tricolor em relação à possibilidade de vender algum jogador na janela europeia.