“Fico preocupado”: Abatido, técnico do São Paulo revela negociações por “inimigo” do Ituano e +1 antes do BR

São Paulo empatou sem gols contra o Ituano pela Copa do Brasil. (Foto: Twitter do São Paulo)

A preocupação do São Paulo aumentou para a disputa do Brasileirão, porque o desempenho está muito ruim. Pelo menos foi ruim ontem (11), diante do Ituano, contra quem o time empatou por 0 a 0 no Morumbi.

“R$ 1 milhão, complicou”: São Paulo é comunicado sobre ‘problemão’ de última hora com Erison

Você conhece o YouTube do Nação Tricolor? Clique aqui e inscreva-se no canal para ter notícias sobre o São Paulo

Rogério Ceni não se mostrou satisfeito com o desempenho, revelou estava envergonhado pela forma como o time não jogou bem e explicou as tentativas de negociação antes do Brasileirão.

“Tentamos alguns jogadores, tentamos o Jamerson, o Bernardo Schappo, mas buscamos soluções. Todos estão se esforçando ao máximo. Diante de uma fraca apresentação como a de hoje, a gente fica preocupado [com o desempenho no Brasileirão]”, disse Ceni após empate contra Ituano.

Os jogadores citados por Rogério já encontraram outros times para jogar na temporada. Jamerson foi para o Coritiba e Bernardo, para o Fortaleza.

São Paulo tem elenco para ser competitivo, diz Ceni

Para o técnico do Tricolor, o elenco da equipe é bom o suficiente para ser competitivo. Porém, o time tem muitos lesionados e jogadores que vão ficar afastados por muito tempo.

“Não conseguimos contratar os jogadores que queríamos, mas temos um ótimo elenco com os que estão no DM. O São Paulo não tem dinheiro para sair contratando todo mundo e infelizmente houve lesões graves com muitas cirurgias. Temos time para ser competitivo, junto com os jogadores que estão afastados. É uma infelicidade porque temos elenco para ser competitivos, é uma pena que cinco ou seis jogadores estão afastados por um longo prazo”, afirmou Rogério Ceni.